quinta-feira, 12 de agosto de 2010

João Batista: Síntese Bíblica

"Eis o Cordeiro de Deus  que tira o pecado do mundo"- João Batista [ Jo 1,29 ]

Esta postagem, em primeiro lugar tem a intenção de municiar os alunos do IBADETRIM que estão cursando o Bacharel em Teologia, no 2º período, disciplina: Evangelho de João. Num segundo alvo, visa alcançar os interessados em conhecer mais sobre João Batista, os enriquecendo com conhecimento teológico e forte argumento bíblico.

João Batista no Evangelho de Lucas
1.13,60, 63 – Sobre o nascimento. Aqui é importante lembrar da ação sobrenatural em seu nascimento, pois para Jesus nascer houve ação sobrenatural sobre Maria, sua mãe e também João nasceu sobrenaturalmente, uma vez que Izabel, sua mãe era estéril. Então, antes de Jesus nascer primeiro foi anunciado por um anjo, João também. Foi enviado um anjo ao pai de Jesus para que cresse, o pai de João também não creu, pelo que ficou mudo. Jesus foi para o deserto, João também. Jesus teve discipulos fiéis, João também. Jesus ensinou seus discípulos a orar, João também. Jesus foi profeta, João também. João preparou o caminho para Jesus, e, Jesus é o caminho. Jesus morreu pelos injustos, João morreu injustamente.

3.2,7 – Raça de víboras. Palavra dura, acusadora, que diz o que o pecador é. A Bíblia sempre me diz isso, contudo, será que os pregadores hodiernos imitam a João, acho que não, senão muitos teriam sido martirizados igualmente como João.

3.15 – Pensavam ser ele o Cristo. Os fariseus realmente estavam cegos espiritualmente, mergulhados nos cerimoniais, tradições e liturgias. Não entenderam a profecia de Isaías 40.3 se cumprindo em João e assim não reconheceram o Messias.

3.16 – Ele negou ser ele o Cristo. João testemunha longamente não ser ele o Cristo, pelo contrário afirma ser indigno de desatar-lhe as sandálias e ainda convinha que João diminuisse e Cristo crescesse.

3.20 – Deus viu o mau de Herodes contra João. A reação de Jesus foi passiva. Aliás, Herodes não ficou impune.
7.13 – Os profetas profetizaram até João. Em João encerra-se a linhagem dos profetas veterotestamentário.

7.19-20,22 – João envia discípulos a Jesus, porque? Observa-se aqui que João já cumprira seu ministério, já vira o Espírito descer sobre o Messias, o que lhe fora anunciado antes [Jo 1.33], inclusive, o próprio Deus testemunha sobre o Filho amado, João estava encarcerado. Difícil é entender a missão de seus discípulos, que era saber se aquele era o Cristo.

11.1 – Ensinou a orar. Não somente Cristo ensinou seus discípulos a orar, mais João ensinou primeiro.

João Batista no Evangelho de Mateus
3.1 – No deserto.
3.4; Mc 1.6– Alimentando de mel silvestre e gafanhotos. Isto devido ao voto nazireu, lembrando que o próprio Cristo afirmou que João não ingeria vinho [Mt 11.18 e Lc 7.33].

Mt 3.11; Mc 1.7; Lc 3.16; Jo 1.30 – Indigno de desatar as alparcas. Muito significante teologicamente é explicar este registro, costume israelita antigo, como se deu na remissão da terra do marido e dos filhos de Noemi [Rt 4.7-8]. João Batista usa deste costume para, em outras palavras, dizer que mesmo que aquele que era maior que ele, no caso Jesus Cristo, desse o direito a João de desatar–lhe as sandálias, este não o poderia receber este direito. Sabemos que Cristo é o noivo e a Igreja é a noiva. Cristo é o remidor, resgatador, o pagador de nossas dívidas e este direito é intransferível, pois ninguém é maior que Ele.
 
3.13-17– Batismo de João Batista. Destaque-se que o batismo de João era especificamente para arrependimento de pecados [cf. Mt 3.2,6,8,11, 15; Mc 1.4-5; Lc 3.3,8]. Em Mateus 3.14-15, João se opõe em batizar a Cristo que o convence dizendo que assim convinha para “se cumprir toda justiça”. Claro que Jesus não tinha pecados [Jo 8.46; 1Pe 2.22], porém, sobre Ele vieram todos os pecados da humanidade quando estava na cruz, aí se cumpriu toda a justiça. Também o ministério de João Batista se cumpriu antes e durante o ministério terreno de Cristo, e, não podia JB esperar que sobre Cristo viesse os pecados humanos, se é que podemos dizer assim.


4.12 – Primeiro registro da sua prisão.
9.14 – Os discípulos de João. Interessante notar que dois dos seus discípulos, viram a Cristo e o seguiram. Sabemos que um deles é André [Jo 1.35, 40]. Também os comentaristas são unanimes em dizer que o segundo discípulo é João, o autor do 4º Evangelho.

11.2 – No cárcere. Neste ponto entendemos dois contextos: 1.Seus discípulos eram de fato obedientes e fiéis. Obedientes por que mesmo com seu mestre preso cumpriam suas ordens e não o abandonaram, diferente do que aconteceu com Cristo quando preso no Getsemani, quando todos fugiram [Mt 26.56]. Fiéis porque mesmo depois de sua morte lhe foram obedientes aos ensinos e doutrinas [cf. At 19.2-5].

11.4 – Retorno dos discípulos.
11.7 – Sobre o Batismo de João.
11.11; Lc 7.28 - A teologia deste verso é muito difícil de entender. Jesus deixa muito claro, não se trata de uma parábola quando Ele afirma que “entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João Baptista”. Ainda no verso 13 temos algo que aclara o entendimento, pois Jesus afirma também que “todos os profetas e a lei profetizaram até João”. Significa dizer que o ministério profético encerrou em JB e que dentre os que nasceram na velha aliança, daí a afirmação “nascidos de mulher”, e, ninguém é maior que João. Mais: João Batista foi profetizado [Is 40.3; Is 45.2]; e, viu e batizou o Messias; Ouviu a voz de Deus [Jo 1.33], etc.

11.13; Lc 16.16 – Profetas até João.
11.1; Lc 7.33 – Tem demônio, disseram.

14.2-4,8,10; Mc 6; Lc 9 – Morte de João. Trágica, porém, mártir de Deus. Nos ensina a não nos prendermos ao mundo e nem aos homens, poderes, ou algo assim. Muitos deram a vida pelo Evangelho, porém JB foi o precursor, depois Cristo, Estevão [At 7], Tiago irmão de João, o evangelista [At 12.2], Paulo, Pedro e tantos outros.
16.14 – Que dizem ser o filho do homem? Neste ponto do ministério de Cristo João já estava morto, porém o seu ministério profético é confirmado também pelos judeus [Mt 21.26].

17.10-13 – Mencionado por Jesus. Possivelmente Jesus estivesse explicando, i.é., não o próprio Elias, mais sim um profeta com a mesma magnitude e caráter espiritual de Elias.

21.25-26 – Sobre o Batismo de João.
21.32 – Não creram em João. Não creram em João no que se refere a ele ser o cumprimento profético de Isaías 40.3, o anunciador do Messias.

João Batista no Evangelho de João
1.6-8 – Enviado.
1.15,19,26,28-29,35,40 – O testemunho joanino.
Jo 1.33 – Deus lhe confirma sobre a descida do Espírito Santo no batismo de Cristo.
3.23 – Não batizava somente no Rio Jordão.
3.24 – Prisão.
3.25-27 Conflito.
4.1 – Jesus batizava mais que João?
5.33,36 – Jesus ratifica o ministério de João Batista.
10.40-41 – Não fez sinal.
Jo 1.33; At 1.5; At 11.16 – Esses versos sintetizam uma única teologia.
At 19.3-4 – Discípulos fiéis aos ensinos de João Batista.

Soli Deo Gloria & Bons estudos!

F. A. Netto.

Fontes
1. CARSON , D.A. O Comentário de João. 1 ª ed. São Paulo: Shedd Publicações , 2007. 286p.
2. MEARS, Henrieta C. Estudo Panorâmico da Bíblia. 1 ª ed. São Paulo: Vida, 2000. 576p .
3. BORTOLINI, José . Como Ler o Evangelho de João. 8 ª ed. São Paulo: Paulus, 2008. 208p.
4. TENNEY, Merrill C. O Novo Testamento , sua Origem e análise. 1 ª ed. São Paulo: Shedd Publicações . 2005 .440 p.
5. LELOUP, Jean- Yves. O Evangelho de João. 1 ª ed. Rio de Janeiro: Vozes. 2000. 300p.
6. Dicionário Bíblico Wycliffe. 1. ed. Rio de Janeiro, CPAD , 2006;
7. Bíblia de Estudo Plenitude. A SBB, Edição de 1995. Barueri -SP, 1526p ;
8. Bíblia de Estudo Ilumina digital Ouro ;
9. DAVIDSON, F.; Shedd. O Novo Comentário da Bíblia. 3. ed. de São Paulo: Vida Nova, 1997, p. 1318.

5 comentários:

  1. Graça e Paz Francisco Araújo !
    Muito obg , estou seguindo aqui também.
    Amém, creio que muitos conheceram a verdade atravez do seu blog tb !

    Que o Senhor te abençoe !

    um abraço !

    ResponderExcluir
  2. Priscila, agradeço a sua visita e comentário.

    Paz.

    ResponderExcluir
  3. OBRIGADA POR SUAS PALAVRAS...E UM PRAZER COMPARTILHAR DE JESUS COM O IRMAO E SEGUIR SEU BLOG. QUE A GRAÇA DE DEUS O ALCANÇE A CADA DIA.
    COM CARINHO..IRMA FABIANA.

    ResponderExcluir
  4. Fabiana, paz e já agradeço pela visita e comentários também.

    ResponderExcluir
  5. Retribuindo a visita!Passei por aqui irmão!Abraços!

    ResponderExcluir

The Best Articles