quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Superdicas para professores de EBD: Mestre Águia!!!

Li recentemente a história da águia de James Aggrey, narrada por Leonardo Boff em seu livro “A Águia e a Galinha”, editora Vozes. Já tinha ouvido sinteticamente e sempre me agradara em ouvir. Desta vez, ao ler observei a riqueza de detalhes que dão vida à história. Na suma, James Aggrey, educador africano contou esta história na tentativa de fazer seus compatriotas entenderem que eram maiores do que seus colonizadores diziam. Em sua história, eles os ganeses, eram águias feito galinhas. E isso diz tudo de nós educadores. Eu contudo, quero substituir a galinha da história pelo pardal,  convertendo assim a história de James Aggrey para uma metáfora da condição do ensinador/mestre de EBD.

A águia faz seu ninho nas penhas, nas alturas montanhosas enquanto os pardais em pequenas árvores. Os mestres brilhantes estão em metamorforse perene e sempre para melhor. Seus sucessores aprendem a pensar alto desde seu ninho, assim, evoluem em qualidade. Avançam a fronteira do conhecimento com mais velocidade. Os pardais são sempre pardais, no mundo inteiro. Estes alimentam a seus filhotes da comida cotidiana que está por perto. Já as águias alimentam os seus com alimento sólido e logo que podem saem de seus ninhos, alçam vôos assemelhando-se aos seus pais. Os mestres brilhantes fazem discípulos e estes, inclusive, são impulsionados a fazerem coisas maiores do que seus mestres.

Educadores de EBD somos nós, não nos assemelhando a pardais, mais a águias que ensinam os seus a viver com qualidade e convicção. Às vezes tratados em segundo plano, desprezo e com somenos importância [como se fôssemos pardais], mais tudo bem. Fato é que o que as águias ensinam é perpetuado. Os mestres/ensinadores de EBD assim também o são, seus ensinos se perpetuam de geração a geração, são seguidos até ao dia da partida à eternidade. Soli Deo Gloria.

Profº Netto, F.A.

8 comentários:

  1. LIndo texto Francisco! Nos remete pensar...

    Somos vizinhos de cidade... rs

    Patos de Minas.

    beejo e paz!

    ResponderExcluir
  2. Essa palavra veio como um balsamo pra minha vida.Que Deus nos encoraje a seguir e conquistar,sempre!
    Deus nos abençoe.Paz!

    ResponderExcluir
  3. Tem um texto muito abençoado, se cada um de nós entende-se-mos
    o significado de ser águias, então nossos pensamentos seriam mais altos.
    Muita graça e paz meu irmão.

    ResponderExcluir
  4. Professor Netto

    AMEI este trecho___
    ""Os pardais são sempre pardais, no mundo inteiro. Estes alimentam a seus filhotes da comida cotidiana que está por perto. Já as águias alimentam os seus com alimento sólido e logo que podem saem de seus ninhos, alçam vôos assemelhando-se aos seus pais. Os mestres brilhantes fazem discípulos e estes, inclusive, são impulsionados a fazerem coisas maiores do que seus mestres. ""

    VERDADE

    PARABÉNS PELO TEXTO

    bjs de Boa TARDE

    fui...mas VOLTAREI!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá amigo!
    Muito grata por me visitar, agradeço por seu comentário que elevou meu ego numa tarde quente e cheia de preocupações...Amei.
    Seguindo-te com muito carinho, e aproveito pra parabenizá-lo por este seu blog que é muito interessante, assuntos sérios, agradáveis e do bem de todos.
    Que Deus continue lhe abençoando.
    Beijso
    Eu! Leilinha
    Amigos?

    ResponderExcluir
  6. Olá, Francisco!
    Obrigada por sua visita! Será sempre bem vindo ao Blog'Arte!
    Abraços,
    Andrea Guim

    ResponderExcluir
  7. Professor Neto, parabéns pelo seu dia!
    Que Deus te abençõe!
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  8. Lindo e excelente texto, prezado professor de EBD. Continue, porquanto não é a pessoa do mestre que está na mais alta evidência, e sim o fruto que esse mestre produz e que deve permanecer. Nós passamos, todavia o nosso fruto deve permanecer para a glória do nosso Deus.
    PbGS - Pb. Glauko Santos
    www.glaukosantos.com e http://glaukosantos.blogspot.com

    ResponderExcluir

The Best Articles