segunda-feira, 13 de agosto de 2012

A Rebeldia dos Filhos - Lição 8

Que tema! Eu que sou um ferrenho crítico das lições das revistas da Cpad, porém me rendo a este tema. Talvez dentre todas as lições desta revista, a do 3º trimestre, esta seja a lição mais realista, a que mais se identifica e se aproxima com o título proposto na revista: Vencendo as Aflições da Vida.

Nunca se viu tanta rebeldia, ingratidão, desídia e frieza por parte dos filhos para com os pais. Que se diga de passagem, vivemos uma geração perversa, má, violenta, de ânimo dobre, sem freios, que não querem o exemplo dos pais. Alguns se comportam como cavalos desembestados, sem rumo, chegando às raias da afronta e do desrespeito total para com os seus genitores, senão vejamos:
Fazem da sua casa um drogodromo;
Fazem da seu quarto um motel;
Fazem do seu corpo um laboratório;
Fazem de seus pais seus patrocinadores;
Fazem de seus mais íntimos alvos de suas duras críticas;
Fazem de seus lares verdadeiras filiais do inferno [...]

Talvez alguns leitores divirjam, discordem, claro, somos todos como declarou o nosso STF [Supremo Tribunal Federal] "...na expressão, somos permanentemente livres". Contudo, nunca se viu tantas jovens mães solteiras, nunca se vendeu tanta droga no mundo, nunca se viu tantos lares desestruturados e jovens desequilibrados, chegando ao absurdo de quererem expulsar as polícias da segurança da USP, e, tudo para que pudessem ficar livres, livres para serem criminosos [...]. Que geração perversa. O que devemos esperar da nossa geração?

Professores da EBD, aproveitem, esta é a lição de ouro da revista! Soli Deo Gloria.

Profº Francisco Neto.

6 comentários:

  1. Com certeza, os exemplos que temos visto são exemplos tristes de uma geração sem limites. Erros na educação? Falta de base familiar? Talvez sim. Um tema a ser pensado com urgência.
    Um grande bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não digo que apontar os errados seria a solução, mais talvez seria o caso de apontar a solução e agir...

      Excluir
  2. Até que em fim um comentário que retrata a realidade...

    ResponderExcluir
  3. Acho que falta é os pais serem realmente PAIS. Uns são verdadeiros pailhaços, outros são paitrocinadores, outros são pai-marionetes...

    ResponderExcluir
  4. Olá td bem?...Vim conhecer seu Blog
    adorei,tem coisas lindas por aqui já seguindo.
    Passa la no meu cantinho e se gostar me segue também.
    Bjooooooooooooooe com Deus!
    Cigana Raicha
    http://ciganaluminosa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. O pior é que a rebeldia já se tornou algo normal, e muitos filhos acham isso até lindo, mais irão sofrer as consequências depois, como filha eu respeito muito meus pais mas infelizmente não é assim que acontece hoje em dia, Dá uma olhadinha : http://conversandocomdeus157.blogspot.com.br/ Sempre que eu posso escrevo lá, tem alguns assuntos interessantes, beijos e parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir

The Best Articles